Nossos Estúdios

R. dos Inválidos, 212 - Centro - Rio de Janeiro

Av. Cardoso Moreira, 322 - sala 403 - Itaperuna

Fale com a gente.

Prestes a participar do maior festival de música cristã da Flórida — o Rock the Universe, que está em sua 25ª edição — e vai acontecer nos dias 27 e 28 de janeiro, o vocalista da banda Skillet, John Cooper, disse que o evento “pode ajudar a restaurar a dinâmica familiar que está desmoronando na América”.

“Só há dois eventos que unem os americanos, que são esportes e música”, disse em entrevista ao Christian Post ao ressaltar que quando as pessoas estão se divertindo, estão também mais abertas a refletir sobre determinados temas.

Além disso, ele lembra que muitos não-cristãos frequentam esse tipo de evento com seus filhos porque gostam de música: “É uma ocasião festiva e familiar”, disse sobre o evento que, neste ano, será sediado pela Universal Studios de Orlando.

‘Concordamos que Jesus Cristo é o Senhor’

Para o vocalista, não há problema algum que nem todos sejam cristãos ou religiosos, o que importa é ver que “as pessoas estão se unindo e que todos concordam que Jesus é o Caminho, a Verdade e a Vida”, declarou.

“Podemos celebrar isso com todos os tipos de pessoas, esteja você falando sobre classe, etnia, seja lá o que for ou até mesmo denominação. Então, estamos nos reunindo para dizer que estamos deixando algumas de nossas diferenças de lado porque concordamos que Jesus Cristo é o Senhor. E isso é uma coisa realmente maravilhosa”, comemorou.

“Conheci pessoas que disseram: ‘Entreguei minha vida a Cristo em um evento de música cristã, como o Rock the Universe, e agora estou aqui com meus filhos para o mesmo lugar”, testemunhou.

‘Estamos perdendo nossos filhos’

“Há um despertar acontecendo na América agora, entre pessoas religiosas e não não religiosas, de que estamos perdendo nossos filhos. O que me entusiasma é que a Igreja tem a resposta para isso”, enfatizou ao citar que “Deus criou homem e mulher para se casar, ter filhos e criá-los no temor e do Senhor”.

Toda família deveria ser uma pequena igreja. Era o que Charles Spurgeon costumava dizer. Então, acho que as pessoas estão percebendo isso”, apontou.

A Banda Skillet existe há quase 30 anos e, segundo John Cooper, aconteceram grandes mudanças na sociedade durante esse período.

“À medida que o mundo fica mais louco, o que estou vendo em meus shows é que muitas pessoas estão vindo, trazendo suas famílias. O Skillet está se tornando um evento familiar”, observou.

Ele explica que, mesmo que as pessoas não acreditem em Jesus, elas reconhecem que o evento é um lugar seguro para os filhos, já que os pais estão sem opções: “Até mesmo os esportes estão sendo inundados por uma cultura que manipula e até os não-cristãos se sentem desconfortáveis”.

‘A Igreja é a resposta’

Por tudo o que Cooper comentou na entrevista, ele está certo de que “a Igreja é a resposta. O caminho de Deus sempre funcionou e funcionará em 2023 se ouvirmos [a Sua voz]”, frisou o vocalista.

Sobre o fato da Universal Studios  apoiar o evento cristão, o vocalista acredita ser um grande testemunho: “Há muita pressão para que as pessoas não façam eventos cristãos, então acho que é um grande testemunho que lugares como a Universal faça isso”.

Conforme o músico, que faz negócios com a Universal há 25 anos: “É bom que as pessoas vejam isso, principalmente para as que promovem o Rock the Universe e para os fãs”.

A Universal Studios é um parque de diversão nos Estados Unidos, que representa a maior indústria de entretenimento em filmes e TV.

GuiaMe

Share:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *