26 de setembro de 2022
MÚSICA

Há 25 anos era escrito o clássico “Rompendo em Fé” da Comunidade Evangélica Internacional da Zona Sul

O ano de 2022 marca duas décadas e meia em que o clássico “Rompendo em Fé”, gravado pela Comunidade Evangélica Internacional da Zona Sul, foi escrito por seus compositores Ana Feitosa, Edson Feitosa e Marco Peixoto.

A música foi composta em 17 de maio de 1997, mais especificamente, após uma pregação do pastor Marco Antonio Peixoto, líder da igreja.

Pouco mais tarde, a canção foi gravada oficialmente e deu título ao segundo álbum ao vivo da comunidade, lançado em dezembro do mesmo ano pela gravadora MK Music, sucedendo o disco “Ventos de Avivamento”, de 1996. 

Demorou pouco para a música título da obra invadir os ministérios de louvor das igrejas de todo o país, se consagrando como um dos maiores clássicos da música gospel brasileira.

O sucesso da canção garantiu ao CD um Disco de Ouro por mais de 100 mil cópias vendidas em todo o país, certificado pela ABPD, Associação Brasileira de Produtores de Discos.

“Rompendo em Fé” ganhou ainda um troféu por se consagrar como a música gospel mais tocada nas rádios de todo o Brasil.

Atualmente, a música já contabiliza mais de 5 milhões de streams no Spotify, uma das maiores plataformas de streaming de música, provando seu sucesso entre gerações.

Comemorando três décadas de fundação, em 2017 a gravadora MK Music reuniu diversos cantores de seu cast para relembrar os maios sucessos já lançados pela empresa. “Rompendo em Fé”, claro, fez parte das comemorações, ganhando uma nova versão com a participação da cantora Aline Barros.

Ana e Edson Feitosa escreveram posteriormente outros dois grandes clássicos da música gospel, “Oferta Agradável a Ti”, de Cassiane, e “Sonda-me, Usa-me”, de Aline Barros. 

Mas, conta pra gente, você se lembra a primeira vez que ouviu “Rompendo em Fé”?

News Gospel